Gestão Avançar na Luta

REDES SOCIAIS

23 de Novembro de 2017 | Quinta-feira

Trabalhadores vão às ruas nesta sexta (10) contra perda de direitos


Compartilhe

Boletim 1613 - Salvador, 09 de novembro de 2017

Centrais e sindicatos estão convocando um dia de luta nesta sexta (10), contra a perda de direitos trabalhistas e previdenciários, consequência das nefastas propostas do go verno golpista de Michel Temer. As entidades reclamam ainda da redução do salário mínimo, da portaria que flexibiliza o trabalho escravo e da entrega da Amazônia ao capital internacional.

Os protestos são convocados conjuntamente pela CTB, CUT, Força Sindical, UGT e CSP-Conlutas, mais a Frente Brasil Popular. A escolha do 10 de novembro (próxima sexta-feira) se deu porque é a data que antecede a vigência da lei que alterou a CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) e golpeou o trabalhador e a trabalhadora.

Em Salvador, a agenda de lutas começa às 5h30, com manifestação nos polos Petroquímico e Industrial de Camaçari. Às 6h, começa a concentração para um grande ato na entrada da Estação da Lapa, na região do Dique do Tororó. Em seguida, a partir das 9h, tem caminhada do Campo Grande ao Comércio, onde acontece protestos em frente às sedes da Justiça do Trabalho e da Previdência Social.

O Sindsefaz vai estar presente, através de seus diretores, na Caminhada que sai do Campo Grande, a partir das 9h. A entidade convoca os fazendários a também participar, caso tenham disponibilidade, para engrossar o coro contra as mudanças. Bom lembrar que o governo se rearticula para colocar a Reforma da Previdência para votar ainda este ano. Ou seja, essa luta ainda não acabou.

Sindsefaz,
Avançar na Luta