Gestão Avançar na Luta

REDES SOCIAIS

23 de Maio de 2018 | Quarta-feira

Fazendários que trabalham no anexo ao Prédio Sede enfrentam chuva na área de circulação


Compartilhe


Boletim 1704 - Salvador, 08 de maio de 2018

Os colegas que trabalham no anexo ao Prédio Sede, onde funcionam as diretorias, estão sofrendo nestes dias em que a chuva apertou em Salvador. Ao sair de um local ao outro, além de se molhar, o servidor ainda corre riscos, pois o piso molhado facilita escorregões e quedas.

Este vão, que hoje serve de área de circulação entre o Prédio Sede e o anexo, foi idealizado para ser algo temporário, para facilitar o deslocamento entre os dois locais por funcionários que se deslocavam com carrinhos de documentos. Era preciso que fosse feito uma cobertura ou construído um corredor fechado. Porém, o serviço, que na época foi pensado, não foi executado. E assim, se tornou um acesso de verão.  

O Sindsefaz tem cobrado reiteradas vezes da administração melhoria das condições de trabalho nas repartições da Sefaz-BA. Ofícios, fotografias, vídeos. Recentemente, a entidade contratou uma consultoria especializada em adequação das condições de trabalho para tornar os ambientes mais salubres e ergonômicos. E pretende entregar este trabalho ao Gabinete, além de servir de base para reivindicações futuras.

Mas, de imediato, seria bom os responsáveis viabilizarem uma cobertura temporária, antes que alguém escorregue e caia, causando um problema maior. E pense numa solução definitiva, que traga conforto e comodidade para quem usa o acesso, aproveitando também para consertar as goteiras que se multiplicam nos ambientes de trabalho do Prédio Sede.



Sugestões de leitura

Artigos


Floriano Sá Neto - Nosso problemático sistema tributário: um olhar sobre o IRPF



Leia mais

Entrevistas


Joaquim Amaral explica execução de quatro processos judiciais



Leia mais